Eu não vou entrar para a academia!!

Como suportar a pressão dos amigos e do mundo viciados em endorfina!Não, eu ainda não me matriculei na academia. Na verdade, no momento isso não está nos meus planos. Estou preocupada é com o meu dia de amanhã, acordar e resolver um monte de coisa no banco, correr para o trabalho, ir para a análise na hora do almoço, produzir uma pauta complicada, comer um sanduíche, trabalhar mais, vir em casa, fazer um modelo, colocar essa matéria no ar (escrevo na quarta) e sair de noite, porque estou vagando em busca do amor. Sim, depois dessa descrição, certamente você está pensando que eu levo um dia-a-dia estressado e que por isso preciso logo-logo entrar para a academia. Mas eu não quero, não estou afins, não vou.

Por que essa fúria santa? Porque parece que o mundo resolveu-fazer-ginástica-depois-do-sedentarismo e agora está me perseguindo! Minhas amigas mais íntimas (incluindo a Jô), os colegas do trabalho, toooodo muuuundo. Na hora do almoço, as pessoas debatem preços de academias. Quando chego no trabalho, alguém já fez natação de manhã e conta isso com ar de orgulho. E no telefone alguma amiga avisa que já fez body combat. E de noite, a outra diz que só vai sair depois da aula de spinning.

Até aí, tudo de bom. O problema é que as pessoas resolveram que eu também tenho que entrar na academia urgentemente. Outro dia aconteceu uma cena surreal que eu juuuro que é verdade. Eu estava almoçando em uma churrascaria. Fui pegar uma massa porque sou vegetariana. E o mocinho que preparava me disse que eu precisava fazer ginástica porque eu estava muito magra! Eu juro! Foi horrível. Disse para ele que não era legal se meter na vida de passantes. E ele ainda argumentou dizendo que era treinador sei lá de quê.

Eu podia ter dito para ele tudo o que eu penso, mas a comida ia esfriar e ele não ia entender. Fazer ginástica faz bem mesmo, é uma coisa incrível. É sensacional. Mas eu estou batalhando para conseguir fazer análise três vezes por semana e… escuta, eu não tenho mais tempo disponível! Nem vontade. E eu não saio por aí falando para pessoas em churrascaria que elas precisam de terapia! E sou tão tolerante que vou com colegas na churrascaria. Apesar de ser vegetariana há mais de 10 anos!

Enfim, se você for me mandar um e-mail falando para eu entrar na academia, não perca o seu tempo. Eu não vou entrar. Um dia, quem sabe. Mas, agora, não. Nem se o Bush me obrigar!

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s