O pacto do modelão

Eu quero poder usar meus vestidinhos!! No Rio, todo mundo anda mal ajambrado. Coloca uma chinela e pronto: está pronto”
para festa.  Eu acho ótimoAdoro um bom par de chinelas.
Mas – ao mesmo tempo – acho uma injustiça com meus vestidinhos, que ficam para sempre no armário com se estivessem num cativeiro. Junto com meus sapatinhos de boneca. Junto com as minhas roupas
arrumadinhas que fariam minha avó vibrar de felicidade.
Toda vez que vou sair, é o mesmo drama. Os modelões acabam sendo dispensados e trocados por algo cool. Afinal, seria um pouco fora do tom surgir na balada com um vestido glamouroso enquanto todo o resto das pessoas está com a roupa da praia.
Conclusão: nossos modelitos mais ousados são usados somente no nosso quarto, em frente ao espelho. Ou em casamentos, batizados, bodas. Como a gente não frequenta muito estes eventos, não temos chance de usá-los!
É a hora do pacto do modelão, cariocas! Isto é, colocar nossos modelões PARA BATER!
Se todas as mulheres se unirem e passarem a usar seus melhores modelos em qualquer balada, quem for com um vestidinho glam para uma festinha não ficará parecendo um destaque de escola de samba. Ou – pior – uma perua.
Não é para ser patricinha
É para ser style.
Nossas avós – que gostam da gente arrumadinha – agradecem!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s