Cuidado com o fogo amigo!

Quando alguém que diz ser do mesmo exército que você te joga um míssil no meio da testa!  “”É para o seu bem, então vou te contar umas coisas ruins que você nem perguntou.”” Será que você, como eu, também já foi alvo do fogo amigo? Ele é aquele tipo de conhecido que teoricamente (e talvez praticamente) está do seu lado. Mas se distrai e… joga um míssel em você, que até ontem era do mesmo exército que ele. Isso geralmente vem sob a forma de fofoca. Como diz uma amiga minha, notícia ruim a gente só deve dar para quem é amigo de verdade. E mesmo assim em último caso, e com jeitinho.    ”
Quem te ataca com um fogo amigo geralmente não tem sutileza. A pessoa simplesmente pega o telefone e sai falando coisas que eram para ser da sua intimidade. E isso te deixa seriamente ferida. O efeito é tão devastador que mais uma vítima é feita. Você fala com a pessoa que também está envolvida na fofoca e pronto… ela também se fere.
“Mas o pior, o pior mesmo, é que sempre fica aquela duvidinha no ar. Será que foi sem querer mesmo ou será que o “”amigo”” quer me derrubar? A primeira coisa que você pensa em fazer é dar uma de investigadora. Mas melhor não. Nesses casos, melhor deixar os conselhos bélicos de lado (nunca, jamais, fazer como os EUA). E seguir os conselhos do Sábio, o nosso amigo I-Ching. Retirar os exércitos… ”
“Mas a vontade mais verdadeira é ir morar bem longe, pra lá de Bagdá. Por aqui, o fogo amigo cai por todos os lados. A Cruz Vermelha pode me contabilizar como vítima.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s