Cuidado! Narcisista na pista!

A pista de dança de um clube de estimação é o melhor lugar do mundo para a gente desafogar os demônios e liberar a loucura humana. A gente fica lá, se divertindo, gritando e dançando. Um hedonismo muito saudável que é combinado com um verdadeiro amor pelos amigos. Está tudo ótimo. Até que aparece um deles: o narcisista da pista. ”
Geralmente ele é bonitinho e sabe disso. Não é por acaso que o 02 Neurônio desaprova meninos bonitos, daqueles que se enquadram no padrão de beleza normal. Sempre preferimos os mal diagramados, como diz o Xico Sá. Homem bonito é um saco porque sabe que é bonito. Mas mais ainda porque parece que precisa que todo mundo comprove isso pra ele de tempos em tempos. Sou bonito, olhem! Eu sou uma vitrine!
Ele precisa ser admirado. Então, vai sobrar olharzinho pra tudo quanto é dançante. Pra todo mundo que está ali querendo se divertir, mas sempre com aquela carênciazinha da noite, que na verdade é um pouco de desejo. E é vida em estado puro, então está tudo ótimo. A gente sai para dançar… Mas o narcisista da pista acaba com o seu direito tão sagrado de diversão inteligente porque precisa de um harém clubber que sirva de espelho para aquela beleza que ele gosta tanto de ter.
Sim, está pedindo aprovação. Provavelmente vai se sentir mais gostoso no dia seguinte. Isso deve servir para ele. Mas tranca a pista dos dançantes normais que saíram para se divertir, mas que sempre estão dispostos a conhecer alguém bacana e … porque não?
O narcisista da pista ataca. Ele sabe dançar. E dança fazendo ar de gostoso. Se o poste estiver na frente dele, vai estar olhando para o poste com cara de quem quer comer o poste.
Na noite e na vida tudo é possível, canta a amiga Rita Wainer noite após noite no Xingu.  Mas é muito, muito difícil, até na noite, entender um narcisista da pista. A gente tem que encarar a real e psicanalisar a noite. A gente é o espelho pro narcisismo do cara. E quem aqui está afim de brincar de espelho? Eu não. Inclusive porque depois que ele tiver me convencido de que é bonito e legal, vai precisar convencer outra. E isso pode não ter fim.
Na vida e na noite tudo é possível. Mas não com um narcisista. E não para eles, coitados. Então, amigos que gostam de dançar… lembrem da placa. Cuidado, narcisista na pista!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s