Será que eu virei uma pessoa classe média?

Que fica indecisa entre as várias opções de grelha elétrica?! Eu acho que não vou ao show do Pixies, uma das minhas bandas favoritas. O show é em Curitiba, e eu estou com preguiça de viajar para ir num festival de rock.”
Eu quero assinar um jornal por causa do brinde. Que é uma grelha elétrica. Mas fiquei em dúvida: será que escolho o modelo família ou a de tampa redonda?
E eu consultei um arquiteto para fazer uma obra no meu apartamento. Quero fazer umas pequenas mudanças e estou esperando a proposta.
Será que eu virei uma pessoa classe média?!
Outro dia eu fiquei tentando explicar pra uma amiga o que era uma pessoa classe média. E acho que não consegui. Porque ser uma classe médianão significa apenas pertencer a uma classe social. É um estilo de vida. Meio acomodado, meio sem glamour, meio adoro brindes do supermercado.
Tudo começou com o meu apego a novela das oito. Aquela novela ridícula, com uma trama absurda e pessoas de classe média querendo virar estrelas. Hoje, não perco um capítulo dessa baboseira.
Outro sinal alarmante foi que outro dia fui ao shopping num sábado cedo comprar uma calça. Mas foi deprimente e eu queria correr pra fora do shopping. E eu ainda cai na besteira de comprar calças que precisam de bainha! Quer coisa mais classe média?!
Mas eu ainda odeio ir ao supermercado. Não vou pra Curitiba mas quero ir no Teenage Fanclub aqui no Sesc Pompéia. E fui ver Elefante, no cinema. Então, acho que ainda tenho salvação!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s