Novela do mundo irreal

A incrível histórias das mulheres e seus bebês sem pais. Novelas são uma espécie de praga. Você começa a ver, fica viciada, daí começa a acompanhar um pouquinho e quando percebe já se tornou uma adicta completa, lendo os resumos de domingo no jornal e chamando os personagens pelo nome.
Mas como os viciados em drogas, as viciadas em novelas também não ligam para a pureza da droga. No começo até fazemos um controle de qualidade, mas depois…engolimos qualquer droga malhada! Por mais inverossímil que seja o roteiro, por pior que sejam os atores e por mais cafona que seja a trilha sonora. Às 21h nós sentamos no sofá e só levantamos nos créditos finais. Ficamos abduzidas.
Assim está sendo com Celebridades, a novela que trata todas as mulheres como vagabundas e mentirosas. No começo, você não percebe, pensa que só Darlene e Jaqueline Joy são os estereótipos das vagabundas, que querem subir de vida a qualquer preço. Mas quando você pára pra pensar (ai, que deprimente, parar pra pensar na novela!), praticamente todas as mulheres da novela – da vilã à mocinha – são filhas-da-puta e omitem alguma coisa grave na vida, como por exemplo, a paternidade de seus filhos. Veja só:
–    Maria Clara Diniz mente para Fernando sobre sua filha. Diz que ela é de outro, o outro assume e ela ainda faz a pior das maldades: deixa o verdadeiro pai conhecer a criança moreninha! Sem ele saber de nada.
– Maria Clara Diniz deve ter aprendido com sua mãe, Corina. Ela também tinha dúvidas quanto a paternidade da própria Maria Clara e achava que ela era filho de outro, que não seu falecido pai. Mas um teste de DNA comprovou que apesar da dúvida de Corina (que transou com dois homens sem camisinha praticamente no mesmo dia, para ter esse tipo de dúvida), Maria Clara infelizmente era filha de seu pai e, por isso, não teria direito à herança de Lineu.
– Até a personagem mais chata da novela, a Noêmia, mentiu sobre a paternidade da criança. Quando jovem, tinha um caso com um homem casado e ficou grávida. Agora, ficamos sabendo que o tal homem deu dinheiro para que ela fizesse um aborto, mas ela resolveu ter o filho. Só que inventou uma mega história, dizendo que o pai era outro homem! Com direito a foto de casamento e tudo.
– Darlene também mentiu sobre a paternidade de seus gêmeos. Primeiro, armou uma gravidez, numa auto-inseminação artificial, a coisa mais improvável do planeta. Depois, disse que os filhos eram de um cara em coma, para ter direito à herança! Só quando os filhos nasceram negros, ela admitiu a mentira (nesse caso, realmente ela não teria como inventar outra cascata).
– Até a zelosa esposa Beatriz, ex-mulher de Fernando, pregou uma peça no marido, engravidando de um passante e falando que o filho era dele! Agora está sendo chantageada por causa de seu erro do passado.
– Laura não mentiu sobre a paternidade de nenhum filho, mas não sabemos quem é seu pai. E o Ubaldo resolveu assumi-la como filha para compensar uma tramóia.
Agora, a pergunta que não quer calar: você conhece alguma mulher que tenha engravidado e falado que o filho é de outro? Ou você conhece SEIS mulheres que tenham feito isso e que se conheçam?!
Gilberto, se liga!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s