Volta às aulas x Volta ao trabalho

Porque a primeira opção é infinitamente melhor…Quando eu era pequena, adorava a volta as aulas. Mas era por um único motivo. Naquele primeiro dia, podíamos ir para a escola com roupa normal, nada daquela saia pregueada verde horrenda. Ficava dias e dias pensando no modelo. O colégio se transformava em um alegre desfile de modas. Percebo assim que faz tempo que as roupas são um incentivo a mais na minha vida. Elas eram tão importantes que suplantavam o fato de eu ter que encarar as freiras (sim, queridas) e o professor de matemática que me achava burra e por isso me humilhava. ”
Agora que eu sou adulta, não uso mais uniforme para trabalhar. Então, o primeiro dia de aula (ops, de trabalho) depois de todos os feriados e pós Carnaval não tem mais graça nenhuma. Até penso no modelo que vou usar, mas acontece que faço isso todos os dias. Hoje trabalho muito em casa, então, aí que o desfile de modas não existe mesmo. Nesse momento, estou trabalhando descalça e despenteada com um vestidinho de malha preto muito velho que eu uso como saída de praia.
A volta ás aulas também eram boas porque a gente reencontraria nossos paqueras. Obviamente, não tenho paquera no trabalho. E, agora que o trabalho é meio a minha casa é que não tenho mesmo. A gente também ficava feliz porque revia os amigos. Hoje a gente também revê. Só que não é assim. Os nossos melhores amigos passam as férias com a gente. São eles que a gente escolhe para dividir a passagem do ano, o Carnaval e os dias de ócio. Quando estávamos na escola não era assim. Cada família viajava junta para uma praia. Vez ou outra até podíamos levar uma amiguinha, mas era raro. Ficávamos dois meses sem nos falar.
“Hoje em dia não ficamos mais dois meses sem falar com os nossos amigos. Existe o Orkut, o MSN, os e-mails e os celulares. Este ano, de férias na fronteira entre o Rio Grande do Norte e o Ceará, quase me joguei de cabeça quando vi a presença dele, um cybercafé. Mesmo no meio do nada, quis ficar uma hora só falando com os meus amigos e vendo o que “”tinha acontecido no Orkut””.
A distância acabou, o desfile de modas também. Voltar às aulas não tem mais graça nenhuma. Tem é um monte de conta pra pagar que a gente não pagou durante as férias. E um nó no peito que os nossos analistas dizem que é angústia.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s