As pessoas que passam mal

E vez ou outra precisam de sal ou ombro amigo””Tô passando mal””. Quem me conhece já deve ter ouvido essa frase algumas vezes. Isso porque, como bem definiu a Jô em um momento em que eu falei a frase… eu sou uma pessoa que passa mal. E essa é mais uma forma de divisão do mundo.
As pessoas que passam mal geralmente são histéricas (hello, Freud). E sim, quase sempre são mulheres.
Sofremos de tontura, confusão mental, pressão baixa, desmaios. Tudo sem motivo aparente, ou com motivos ridículos que pra gente fazem todo sentido.
Nesta última vez em que falei a frase, eu estava em um show revival do Fellini, uma das bandas que eu mais amo no mundo. Estava cheio de gente do passado, pessoas de antigamente, passantes famosos, como o Paulo Ricardo de chapinha e o Marcelo Bonfá parecendo o Jon Bon Jovi. É ou não é motivo para passar mal?
“Nós estamos acostumados a sermos levados pela mão por pessoas para tomar um ar. Ou a ouvir a frase: “”você quer sal?””.”
“Uma vez desmaiei na casa da Danuza Leão, no meio de uma entrevista, descontrol, celebração. “”Ernestina, Ernestina””, gritava Danuza. Até que surgiu uma senhora vestida de empregada chique e me deu sal. ”
“Achei que esse seria o maior vexame da minha vida. Mas a sábia Danuza respondeu: “”não tem nada mais chique do que uma mulher que desmaia””. Depois dessa, passei a me achar chique, mesmo pedindo um sal. E dizendo: “”gente, me ajuda, to passando mal””.”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s