Por que que a gente é assim?

Eu e meus amigos falamos eu te amo. E não sabemos interpretar. Os meus amigos dizem eu te amo. A gente é assim, um pouco sentimental. Os meus amigos também sofrem. A gente é assim, um pouco melancólico. Os meus amigos dão vexame, a gente é assim, um pouco baiano.
Acostumada com eles, assusta um pouco o mundo dos sentimentos reprimidos. Eu choro. Choro bastante. E as pessoas do resto do mundo que não choram me dão aflição. É preciso ser cool no mundo neo liberal. Me pedem que eu tenha traquejo social. Que eu seja uma pessoa política. Que eu segure os sentimentos. Que eu banque a fina. Que eu reprima meus sentimentos. Não vai rolar, porque eu não sou assim.
“A gente gosta de ouvir Cazuza, “”você podia ao menos me contar uma história romântica, mas ficou tudo fora do lugar, café sem açúcar, dança sem par””. “”A gente erra as letras, canta em português errado, acha que o imperfeito não participa do passado.”” ”
Como é difícil ser civilizado. Como é difícil fingir. Camuflar sentimentos, isso não é para mim! Eu não sou assim.
O mundo é confuso, e a gente prefere acreditar que ele é assim mesmo. Não vou fazer teatro, mas o mundo pede que eu mostre uma civilização impossível.
Eu não sou assim.
Por que que a gente é assim?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s