O estranho mundo de Iggy

Ou: 10 motivos porque eu AMO o Iggy Pop. Um dos meus maiores motivos de arrependimento na vida foi não ter ido ao show do Iggy Pop da outra vez que ele esteve aqui. Mas como Deus é um senhor bondoso, concedeu uma nova oportunidade e Iggy se apresenta neste fim de semana no Claro que é Rock. Nós do 02 Neurônio amamos o Iggy Pop. Achamos ele tudo de bom. Temos motivos de sobra para isso!
1 – O som do cara. Este item não carece de explicações.
2 – Suas músicas podem ser usadas como mensagens indiretas de amor, tipo “”I wanna be your dog””. Uma vez já mandei um torpedo com a mensagem “”No fun do be alone””, para um ex-namorado que tinha me abandonado na rua da amargura. Ele me mandou de volta um torpedo escrito “”hey little girl, I wanna be your boyfriend””, um lance dos Ramones. Não foi exatamente como resposta ao meu torpedo. Isso foi muito tempo depois. O que importa é que nós voltamos. E depois tudo deu errado, eu chorei lágrimas de sangue. E assim é a vida.
3 – Ele não virou um tiozinho do rock. Ele não é uma espécie de Mick Jagger. Ele ainda é selvagem.
“4 – Iggy dá as melhores declarações do mundo, tipo “”roqueiros só usam camisa porque ficaram gordos””.
5 – Ele fez uma única exigência para sua apresentação: quer calças, que têm que ser de modelagem feminina e com cintura baixa, para que fiquem justas ao corpo. Devem ser bem baratas, tipo U$ 7 . E também avisou que  máquina de fumaça está proibida em seu palco. Alguma hora alguém ia ter que tocar neste tabu: máquina de fumaça é a coisa mais brega do mundo.  “”Sabe aqueles conceituadíssimos iluminadores com efeitos luminosos incríveis? Mantenha-os longe de nós””, disse ele.”
6 – Seu passado é glorioso. Afinal, ele catou o David Bowie.
7 – Ele adora dar moshes. É praticamente um dos inventores do mosh.
“8 – Participou de “”Cofee and Cigarettes”” ao lado do Tom Waits. Qualquer ser humano que faça qualquer aparição em filmes do Jim Jarmush merece meu respeito. Mesmo que seja um figurante. Ah, e ainda foi o tio do Johnny Depp em “”Cry baby””. ”
9 – Já dancei muito a música “”Candy”” quando ela foi lançada. Era uma espécie de hino. “10 – Ele faz o meu tipo: meio estranho, meio sujinho. Claro que deve ser uma roubada namorar com ele. Meio estranhos e meio sujinhos não levam ninguém a lugar nenhum. Quer dizer, levam para a rua da amargura, onde você chorará lágrimas de sangue. Mas, antes que isso aconteça, você se diverte um bocado. E com uma boa trilha sonora!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s