Um único objetivo: deixar o cabelo crescer

Por Nina Lemos

Dizem que é bom a gente ter um objetivo na vida. Quem inventou isso deve ser algum autor de auto ajuda nada respeitável como todos. Mas, bem, decidi ter um objetivo: deixar o cabelo crescer.

Esse é um objetivo muito válido na vida de alguém que já teve alguns mais sérios (e os alcançou) e outros mais sérios ainda (e não os alcançou). “O que você faz da vida, Nina?” Deixo o meu cabelo crescer. Essa atividade virou o meu “mudar uma planta de lugar”, a frase genial do Cazuza que um cineastra gritava por uma época bêbado pela cidade.

Nada mais banal do que mudar plantas de lugar ou deixar o cabelo crescer. No meu caso, isso tem exigido alguma disclina e mudanças de hábitos. Até comprei um secador de cabelos. Agora, quando acordo, ao invés de ter pensamentos metafísicos, posso ficar horas secando o cabelo do jeito que o cabeleireiro me ensinou, para que ele não fique virado para fora.

Deixar o cabelo crescer é uma forma de meditação. “Como estará o mundo daqui até o fim do ano? E a minha vida?” Não faço idéia. Mas meu cabelo já estará pelos ombros. Uhu!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s