Vodu, caos, macumba!

Venho, por meio dessa, pedir desculpas pelo desaparecimento de minhas letras nesse sítio. Mas tenho cá as minhas razões. Estou sendo alvo de um caos aéreo dentro de minha própria casa. O radar que norteia minha vida eletrônica enlouqueceu. O que aconteceu nos últimos dias foi uma via crucis de telefonemas para o Speed e para a Telefonica. E, depois de tudo isso, um diagnóstico de queima de modem.

Os meus computadores não funcionam mais dentro de minha própria casa. Eles se rebelam! Provavelmente me jogaram uma macumba (talvez seja um homem do suporte de quem já falei muito mal com motivos). Ou talvez seja um teste de resistência criado por deus, que pretende saber se eu sou capaz de viver no meio desse caos todo e ainda entregas as matérias no prazo.

Eu nem acredito em deus, nem em macumba. Mas não custa pedir o pensamento positivo de vocês para que o meu próprio caos aéreo, aquele que atinge os ares da minha casa, finalmente passe. Eu não faço mal pra ninguém. Eu juro.

(Nina Lemos)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s