A Jane Fonda interior

É sempre assim: passam-se meses numa espécie de inércia. Por causa de muito trabalho, de preguiça, cansaço ou paixão. Baladas. Dai, de uma hora pra outra você encana: tenho que começar a fazer exercícios! Bem-estar físico e mental, todos falam. Não quero embarangar, você pensa.
E na semana passada, numa incrível coincidência, 3 das 3 pessoas do 02 Neurônio, começaram a fazer exercícios. Sem se falarem, sem combinarem, apenas foram lá e começaram. Duas delas, se matricularam na yoga. A outra, resolveu descobrir a Jane Fonda que existia dentro dela e fazer ginástica em casa.
Ginástica é um pouco de exagero. Uma bicicleta ergométrica e uns abdominais. O que siginifica muito, afinal tudo isso é feito de manhã com um bebê junto. Às vezes o bebê resolve ficar em cima das pernas, enquanto os abdominais são feitos, provocando um grau de dificuldade muito maior, nunca antes achado em nenhuma aula de academia.
Mas dizem que quando você começa a fazer exercícios, substâncias químicas são liberadas no seu cérebro e você fica viciada. O tal bem-estar mental. Talvez seja verdade. Afinal, no último sábado a pessoa comprou pesos e um colchão para realmente virar uma Jane Fonda.
Agora só falta só falta o collant e o corpão!

(por Raq Affonso)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s