Flores, Flores, Flores!

Uma amiga me ligou chateada. Tinha saído na balada e acabou numa rodinha de conversa com dois amigos homens. E o assunto: “como as mulheres estão, minha nossa”. “Cheias de nove horas, as de trinta, então, são umas desesperadas. Não sabem ser cachorras (sic) direito, são reprimidas sexuais.” O pior é que a minha amiga, quando me ligou, estava mesmo achando que havia algo de errado com as mulheres. E com ela, principalmente. Ela, que é incrível. Acho que, por um minuto, ela realmente achava que precisava de conserto.

Vou pedir o carro do vendedor de pamonhas emprestado e sair por aí gritando no megafone: “As mulheres já fizeram sua revolução faz tempo!!! Pamonha! Compro televisão velha, sofá velho! E continuam fazendo!!!!! Hello!!!!!”

E se tem alguém bocó nessa história (me desculpem os bacanas, isso não é uma generalização), é o homem. Isso mesmo, esses homens de trinta e quarenta anos que continuam agindo como moleques pegadores da praia.
Que ficam perdidos neste mundinho narciso (nós também ficamos perdidas) e dão para falar absurdos.

A mulher é uma revolucionária. E é também uma flor. E seremos sempre flores. Mesmo as presidentes. E queremos ser tratadas como flores. Gostamos de afeto, de relacionamentos, de encontrar aquele mesmo pé debaixo do nosso cobertor. Apreciamos o cafuné (o que é melhor, fazer ou receber?) Gostamos de passar a tarde tomando café na cama com um homem. Queremos ter filhos e, às vezes, não. E quando estamos chateadas nos sentimos seguras quando um macho-macho-man nos abraça. Queremos amores, amores que durem, mesmo que não para sempre. E sem ter vergonha disso! E não estou falando de modelo burguês e fidalguia. E sim de afeto. Algo que não se resolve comprando tênis ou produto Lancôme. Também não se resolve com uma foda ou um apartamento bem decorado.

Se vocês, garotões, não estão nem aí para isso, fiquem tranqüilos. O aquecimento global está chegando. E “a mamãe ama vocês”.

(por Jô Hallack)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s