Acontecimentos e pensamentos lesados de verão

_ Está provado que não é possível filosofar com um calor de 40 graus em cima da cabeça.

_ Frase mantra para 2008: “eu não tenho que nada”.

_ Postura sexual-afetiva desejada e por enquanto realizada: pragmatismo.

_ Novo ídolo literário: Phillip Roth (não diga: “nossa, só agora”. Competiçõs literárias são ridículas)

_ Falta ar condicionado no Rio de Janeiro. Falta ar cordicionado nas ruas. E nos clubes. Peloamordedeus, custa?

_Ano novo é só um dia, uma data como outra qualquer. E tudo bem.

_É difícil dançar Joy Division no calor.

_E, nada como el portunhol selvage en dias calientes como esses. É a mejor forma de hablar na temporada. Frase dita por uma criança de 3 anos que fala portunhol: “todos los aviones son iguales”.

Y todos los verones también.

(Nina Lemos)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s