O inferno tem mil entradas

Tudo começa com o telefonema de uma amiga. “Minha vida tá um inferno, estou reformando o banheiro e minha casa e virou um caos.” Pronto. Cinco minutos depois quem está dentro do inferno é você, que começa a pensar sem parar: “ o que estou fazendo da minha vida, eu nunca reformei um banheiro!”. Você começa a se sentir um lixo. E olha que ainda são onze horas da manhã.

O próximo passo é fazer uma lista mental de tudo aquilo que você nunca experimentou, todas aquelas coisas adultas e práticas. Nunca fez uma reforma. Nunca comprou uma casa. Prefere sonhar em morar na Europa, sua irresponsável!

Tem vezes em que é preciso muito pouco para entrar em um inferninho particular. Muito pouco. Apenas uma frase. Detalhe. Você nunca na vida teve vontade de reformar um banheiro. E, graças aos canos, nunca precisou. O ser humano é louco. E o inferno, como diz a canção, tem mil entradas.

PS. Quem reforma o banheiro é, claro, a moça que conta seu drama abaixo.

(Nina Lemos)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s