Ano que vem, meu bem tá combinado

Eles estavam meio afastados do bloco. Pararam perto de um muro onde dava para conversar e se fazer ouvir acima da música que dizia “pode chorar, pode chorar”. Trilha sonora perfeita, já que a moça de fato chorava.

_Você fica me humilhando, precisa dar em cima de outras mulheres na minha frente?, ela disse.

_Você é louca, você tá louca, ele gritou.

_Eu não sou louca, ela respondeu de volta.

Já repararam que quase todas as brigas de casais terminam com a moça gritando que não é louca? Nunca vejo homens dizendo: “eu não sou louco”. A gente sempre é perseguida por esse medo de ser chamada de louca. Sempre. Somos culpadas até quando brigamos. Mas o assunto náo é esse agora. Fiquei pensando no casal todo o resto do Carnaval (rimou). Quantas vezes já atravessei o samba e deixei de me divertir por causa de brigas idiotas assim? Muitas.

E é preciso estar de fora (como eu estava) para ver o quanto aquilo é uma bobagem imensa. É carnaval, queridos, deêm um abraço. Aposto que você, guri, nem humilhou ninguém. E também tenho certeza de que você, guria, náo é louca. Certeza. Loucura é o comportamento dos dois (que repito, já aconteceu comigo muitas vezes, acontece com todo mundo).

Mas certa mesmo e moderna é aquela velha marchinha de Carnaval que diz: “esse ano meu bem, tá combinado, nós vamos brincar separados”. Brincar junto é ótimo. Mas brigar junto no meio do Carnaval e chorar é muito chato. Espero que o casal siga os votos da marchinha ano que vem. E depois se encontrem e contem como foi sem choro. Tá combinado, meu bem, tá combinado.

(Nina Lemos)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s