Como fazer a fila andar sem brigar

OK. Deu tudo errado. Não rolou. Por um tempo foi bom. Mas ACABOU. Normalmente, nesses casos, o jeito é brigar com a pessoa. Se convencer de que ele era um idiota completo. Mais fácil ainda se o indivíduo for um canalha. Aí é só falar uns absurdos para ele no telefone. Mandar tomar no cu. É feio. Mas costuma funcionar. Você esquece que aquela pessoa existe rapidinho. Claro, você chora algumas noites e fica se achando louca por ter dado um barraco telefônico. Mas funciona. E, vamos ser sinceros, tem vezes na vida em que só precisa FUNCIONAR. A fila tem que andar, porque aquilo deu errado, estava te fazendo mal. E, como diz uma linda canção do Jimmy Joe: “Quando eu penso em nós, eu me sinto muito mal, mas é bem melhor assim, sem você eu sei”.

Sim, você SABE. Está cansada de saber. É melhor sem ele. E pronto. Agora, se o cara for uma pessoa legal (e isso acontece o tempo todo), o que fazer? Como se livrar do de uma melancolia que bate às vezes quando a noite chega e você fica só consigo mesma? (Sim, vou citar vários gaúchos nesse texto).

Você pode fazer como ele e fingir que não existe nada de errado, que está tudo ótimo (na verdade, tudo péssimo, mas ele sempre achou que a vida é péssima, então, um péssimo a mais, um a menos, não faz diferença). Só que com você não é assim. A vida não é péssima, calma lá! Por isso você só quer tirar o peso e fazer a fila andar sem brigar. Tudo para que o seu mundinho volte a ser até bom (porque, repito, você não acha que ele é ruim e tem um imenso orgulho da própria vida). Você só quer esquecer a tristeza. Isso não devia ser fácil? Para esquecer que foi triste é preciso brigar e tratar o carinha mal? Como a gente volta a ficar alegre sem mandar tomar no cu? Heim?

Ter 38 anos é uma merda. Ter 18 anos de análise também. Ser madura e legal é horrível. Às vezes eu queria ter 25 de novo (e conheço gente de mais de 40 com essa cabeça de 20 e poucos) só para voltar a dar barraco.E a achar que qualquer homem com quem não rolasse era um monstro. Era mais simples assim… Mas, ah, não dá para voltar a ser assim.

(Nina Lemos)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s