A vida não é Gossip Girls (um momento tia)

Ok. Vou ser bem velha e bem tia agora. Mas ando pensando nesse seriado chamado Gossip Girls. Vi poucas vezes, mas deu para perceber que faz mal para a alma. Um bando de riquinhos de NY se estapeando por causa de roupa e de homem? Não, a vida não é Gossip Girls. A minha não é, claro, nem teria idade. Mas a minha vida NUNCA FOI GOSSIP GIRLS! Isso com a graça de deus, ou dos meus pais, ou dos meus amigos. Ou de mim mesma.
Tudo bem. Cada um vê o seriado idiota que quiser. Dane-se. Mas garotas adolescentes vendo essa porcaria sem valores, onde o que vale é o dinheiro e a roupa?
Ah, gente, quando eu tinha a idade de vocês estava assistindo mostra de cinema experimental alemão. Foi quando eu conheci o Jim Jarmush e me apaixonei por ele (e hoje decidi que eu quero ter um anel de caveira igual ao dele. E pensar em ter um anel de caveira me fez feliz por alguns minutos). Também foi quando conheci o Godard e o Eric Rohmer. E quando tive um ataque de pânico vendo um filme do Bergman (uma coisa que você só deve fazer aos 18 anos, depois faz mal). Fiz o que todo adolescente, em tese, faz. Ou seja, enlouqueci. Mas essa é a época de enlouqucer, oras!
E vocës perdendo tempo vendo Gossip Girls e pensando em roupa de grife cara? Não, vai! Adolescência é época de andar igual a um mulambo e de ouvir da mãe que ela tem vergonha de andar com a gente na rua!
A minha já me proibiu de ir com ela no shopping. Isso porque eu tinha feito amizade com um hippie que vendia camiseta do The Doors na rua e só queria saber de andar com elas (droga, porque a gente não guarda essas coisas?).
Eu assumo que esse é um texto de velha meio tia. Não me importo. E continuo. O que vai ser dessa gente se elas crescerem acreditando que o que importa na vida é um bom apartamento em NY e um vestido de uma grife que eu nem sei o nome? Heim? Vão sair caçando marido rico?
Ok. Existe salvação. E nesse minuto o meu amigo de 16 anos entra no MSN e pergunta
_ Já leu o conto que eu escrevi baseado numa música do Tom Waits? Amém, Fernando, Amém.
E vamos mandar juntos todas aquelas patricinhas de Gossip Girls para a puta que o pariu! E encomendar agorinha os nossos anéis de caveira. Iguais ao do Jim.

(Nina Lemos)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s