Pequeno dicionário de pessoas insuportáveis 3

A “eu trabalho muito”

Tipo que adora falar que trabalha, como se os outros não trabalhassem. Ele não pode sair no fim de semana porque trabalha, ele não pode namorar porque trabalha. Claro, essa pessoa acha que trabalhar muito é chique e por isso sai por aí contando que trabalha como se isso não fosse uma coisa normal, que todo mundo faz. Claro, o trabalho dele é mais importante que o dos outros seres humanos. E tudo piora se a pessoa chamar trabalho de job.

A cor de rosa

O mundo é uma bolha de felicidade. E os problemas são bobagens, nada demais. Esse tipo de pessoa não acredita em inimizades e quer que todo mundo ame todo mundo, ou pelo menos conviva em “harmonia”. Como se fosse possível conviver bem com um rei do bullyng, por exemplo. É comum que alguém desse tipo evite acompanhar o noticiário. “Para não passar mal vendo a quantidade de coisa ruim que acontece por aí.”

A zen agressiva

Pessoa que aderiu ao budismo ou que faz ioga todo dia e por isso se acha melhor que os outros. Sim, ela se acha a mais desapegada e a menos vaidosa, como se achar isso tudo de si mesma não fosse uma puta vaidade. Muitas vezes agride os outros usando jargões budistas, que são falados aos berros. Esse tipo de gente existe. Eu juro.

E a lista pára. Quer dizer, por enquanto.

(nina lemos)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s